SPRINT 12 – BOSSA SUMMIT E ITAÚ TECH FOUNDERS

Desembarquei no mês passado ainda extasiado por todas as experiências, trocas e conhecimentos vividos na SXSW, e no ritmo acelerado e intenso desse mercado, que mais parece um rock in roll, do que Bossa Nova, tive a oportunidade de participar de dois grandes eventos no ecossistema de startups que entendo, vieram para ficar.

 

Voltar aos eventos presenciais, e ainda encontrar um ecossistema vibrante como o Bossa Summit, com mais de 300 startups presentes, várias delas com o pitch na ponta da língua apresentando suas soluções, com a presença de investidores qualificados e venture capital’s, ávidos por novidades e oportunidades, sem dúvida, um evento que deve a partir de agora ser parte da agenda de toda essa indústria.

 

Itaú Tech Founders um evento de alto nível, os painéis com convidados trazendo temas relevantes para o ecossistema de startups, e ainda uma oportunidade de conhecer as startups do Cubo Itaú.

 

 

12º SPRINT – RETROSPECTIVA

 

Segue como de costume nossa retrospectiva dessa squad que cruzou a Páscoa:

 

Legado Digital e social na PandemiaMarcio Annunciatto – Após esse cenário de pandemia, temos um legado digital, o legislativo e o executivo trouxeram medidas para adequar o mercado durante esse período, e que no final irão permanecer, a expectativa é a desburocratização, mas quanto de oportunidades para startups não estão presentes nessas ações?

 

5 Tendências (ou lições) que vi na SXSW – Nilio Portella – Às tendências da SXSW, o evento que além de inovação é um grande festival em Austin, nesse ecossistema de #startups é fundamental estarmos antenados com esses movimentos que nos obrigam a sair da zona de conforto, saiba o que foi dito sobre:

• Metaverso

• Games

• NFT

• Creators Economy

• Marketing

 

Venture Capital 2021-2022Carlos Akira Sato Os impactos de fenômenos econômicos e sociais recentes no mundo e no Brasil irão impactar o ciclo de investimentos de Venture Capital no Brasil? O que assisti nos eventos recentes, adicionado aos dados desse artigo, posso dizer que o nível de avaliação das casas de investimentos irá subir, mas o apetite não irá diminuir por bons negócios.

 

Aceleradoras ou bootstrapping? Com a participação de Diego Pereira, João Paulo Cruz e Maria Clara Fossatti – O normal é iniciar com bootstrapping uma startup, e qual pode ser o papel de uma aceleradora? Em mais uma live da kadmotek nossos convidados foram questionados sobre:

 

• O que é bootstrapping?

• Quem já passou por bootstraping sem aceleração executaria tudo de novo?

• O que é uma aceleradora?

• Por que uma startup deveria procurar um programa de aceleração?

• A história de bootstrapping no mercado de guinchos?

• A experiência de um founder em programas de aceleração?

• Qual foi o segredo do sucesso de uma startup 100% bootstrapping para chegar ao EXIT?

• Por que um founder em uma situação de recursos limitados, backlog com mais atividades prioritárias, do que as planejadas, projetos para executar em clientes entraria em um programa de aceleração?

• Uma lição de aceleração que foi uma quebra de paradigma nos processos de uma startup?

• Recomendações para os founders que até hoje estão em bootstrapping?

• Qual a diferença de programas de gestão de inovação para empresas médias e grandes, com os processos de aceleração para uma startup?

• Qual a orientação para um founder que procura um programa de aceleração?

• Onde localizar programas de aceleração?

• O que deve ser avaliado para participar de um programa de aceleração?

 

Ainda teve um chat ativo, tudo isso em 45m, confira a gravação dessa live no nosso canal.

 

Marketing e Varejo na era digital  – Gilberto Albuquerque –  Busquei sintetizar alguns pontos da nossa primeira live do ano, do encontro de Isabela Caritá , Francisco José Ritondaro e Rodrigo Alberto Correia da Silva,  se fosse um triângulo com certeza não seria equilátero, pois nossos 3 convidados tem ângulos com medidas bem distintas, convido a leitura desse resumo da live.

 

Escritórios de Advocacia e Lei Geral de Proteção de Dados PessoaisRuy Rêde ferramentas de gestão de #LGPD, DPO as a service e Canal do Titular, será q sua empresa está preparada as novas exigências impostas pela LGPD?

 

Autoconhecimento e Protagonismo, Chaves Importantes para Sucesso Profissional – Edna Rodrigues Bedani  o tripé “mundo, pessoas ao nosso redor e nós”, para realizar essa travessia o autoconhecimento é fundamental para todos, nossa convidada traz ferramentas para levarmos na mochila em nossa caminhada.

 

Qual é a Diferença entre o Engajamento e a Experiência do Colaborador – Cesar Rossi todos discutimos sobre propósito, mas como engajar o time e o que tem a experiência do colaborador com isso? Nesse artigo podemos conferir ferramentas para atingir os resultados tão almejados.

 

O Metaverso e o Varejo nas suas Diversas Formas – Francisco Ritondaro com sua expertise de varejo apresenta as tendências e mudanças do que iremos consumir de produtos e serviços e o desafio de delinear o que estará no mundo real do digital.

 

 

PRÓXIMO SPRINT

 

Nossa próxima LIVE será dia 25 de abril às 19h, com a presença confirmada de Ingrid Barth,  Juliano Primavesi e Thiago Oliveira, três founders de startups que irão nos contar como foi participar da SXSW 2022, e que viram nesse evento de inovação. SAVE THE DATE 25de abril às 19h.

 

Caros leitores, contamos com a regra dos 3C:

Curtam, Comentem, Compartilhem!

 

Até o nosso próximo Sprint!

 

 

Compartilhar:

WhatsApp
LinkedIn
Twitter
Facebook

Mais artigos

ESTAMOS A CAMINHO DA ERA DA CRIPTOECONOMIA?

Que a tecnologia impactou o mercado financeiro, não é novidade. Desde 1990, com o surgimento e rápido crescimento da internet, o mercado financeiro passou por grandes mudanças, desde o surgimento de novos produtos, até novas formas de se relacionar com o cliente e novos modelos de negócios.

PRIVACY BY DESIGN NAS STARTUPS

O conceito de “privacidade desde a concepção” tornou-se mais proeminente nos últimos anos, à medida que o Regulamento Geral de Proteção de Dados (RGPD) aumentou as preocupações das empresas sobre questões de privacidade nos seus processos, especialmente em relação à oferta de produtos e serviços ao mercado. A metodologia visa incorporar a privacidade em práticas, tecnologias e sistemas, e ainda serve como diretriz para a criação de novos produtos e serviços.

A IMPORTANCIA DO FOMENTO AO EMPREENDEDORISMO FEMININO

É impossível falar de empreendedorismo feminino sem entender a motivação por trás de quem empreende, se a ideia empreendedora veio por oportunidade ou necessidade. Por exemplo, um empreendedor que tem a oportunidade de abrir um negócio estando em uma situação “confortável” seja por investimento interno ou recursos próprios.

Idioma »