Opções de Crédito e Projetos para Startups

Opções de Crédito e Projetos para Startups

 

O desequilíbrio fiscal, a inflação e a paralisação dos projetos de reforma administrativa e tributária ameaçam nosso ambiente de negócios e foram gatilhos para a alta da SELIC.

 

Nesse cenário, voltam as discussões sobre o retorno dos gloriosos tempos dos investimentos em renda fixa | títulos do governo e o temor relacionado à possível escassez de recursos para investimentos, especialmente os ilíquidos onde se encontram as startups, fintechs, healthtechs, lawtechs e hrtechs.

 

Sem entrar em grandes discussões econômicas, é importante lembrar que os juros ainda estão em patamares historicamente baixos e, após um grande período de incertezas, diversos indicadores da economia voltaram aos níveis pré pandemia.

 

Indo além dos indicadores, gostaria de apontar outro caminho, opções de crédito, pouco divulgadas ultimamente, para impulsionamento da economia, inovação e geração de empregos. AS AGÊNCIAS DE FOMENTO vinculadas à administração pública Federal, Estadual e Municipal, instituições que oferecem recursos, principalmente, para pequenas e médias empresas, com juros subsidiados e também abriram linhas especiais para socorrer empresas durante no atual momento de crise sanitária.

 

No âmbito federal destaca-se a FINEP com seus diversos programas e produtos com grande foco na inovação. Tratando-se de recursos subsidiados o processo seletivo é rigoroso e formal, mas se você é um empreendedor no Brasil já enfrenta situações muitos mais complexas. Vale a pena investir tempo para estudar o portifólio do FINEP e verificar se a sua empresa está apta. Caso não esteja, verifique os gaps. É bem provável que esse processo evidencie os itens de governança que faltam no seu negócio.

 

Em São Paulo, temos o Desenvolve São Paulo, que também apresenta muitas soluções para pequenas e médias empresas e tem recursos para microempreendedores atingidos pelos efeitos do COVID 19.

 

Crédito para inovação é um dos destaques do Desenvolve São Paulo e aproveito para informar o que é considerado inovação

 

Inovacred | Programa da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep) para o financiamento de projetos inovadores para micro, pequenas e médias empresas e outras instituições em investimentos para a introdução de novos produtos, processos, serviços, inovação de marketing ou inovação organizacional, ou aperfeiçoamento da tecnologia existente.

 

Ou seja, inovação não se restringe a novas tecnologias. FIQUE ATENTO.

 

No outro pólo, o setor privado, recente levantamento preparado pelo 100 open startups revelou que entre maio de 2020 e junho de 2021 as parcerias entre empresas tradicionais e startups alcançou o impressionante número de 26.348 com valores estimados em R$ 2,2 bilhões, mais do que o dobro do período anterior.

 

Essa importante sinergia entre o “velho e o novo” decorre das vantagens apresentadas pelas startups: velocidade e baixo custo.

 

Além disso, o estudo constatou que as empresas médias começaram a buscar esse tipo de parceria e o modelo está disseminado em todos os setores da economia. Vale a pena conferir! Excelente plataforma para identificar oportunidades!

 

https://www.openstartups.net/site/

 

https://www.openstartups.net/site/ranking/rankings-corps.html

 

https://www.openstartups.net/br-pt/challenges/

 

Empreender é desafiador, mas existem muitas opções para facilitar a jornada. Pesquise, identifique as soluções para alavancar o seu negócio trace a rota e siga em frente!

 

 

Compartilhar:

WhatsApp
LinkedIn
Twitter
Facebook

Mais artigos

ESTAMOS A CAMINHO DA ERA DA CRIPTOECONOMIA?

Que a tecnologia impactou o mercado financeiro, não é novidade. Desde 1990, com o surgimento e rápido crescimento da internet, o mercado financeiro passou por grandes mudanças, desde o surgimento de novos produtos, até novas formas de se relacionar com o cliente e novos modelos de negócios.

PRIVACY BY DESIGN NAS STARTUPS

O conceito de “privacidade desde a concepção” tornou-se mais proeminente nos últimos anos, à medida que o Regulamento Geral de Proteção de Dados (RGPD) aumentou as preocupações das empresas sobre questões de privacidade nos seus processos, especialmente em relação à oferta de produtos e serviços ao mercado. A metodologia visa incorporar a privacidade em práticas, tecnologias e sistemas, e ainda serve como diretriz para a criação de novos produtos e serviços.

A IMPORTANCIA DO FOMENTO AO EMPREENDEDORISMO FEMININO

É impossível falar de empreendedorismo feminino sem entender a motivação por trás de quem empreende, se a ideia empreendedora veio por oportunidade ou necessidade. Por exemplo, um empreendedor que tem a oportunidade de abrir um negócio estando em uma situação “confortável” seja por investimento interno ou recursos próprios.

Idioma »