INDICADORES FINANCEIROS IMPRESCINDÍVEIS EM UM PITCH DECK

Você, como founder, deve entender que pitch deck é o seu cartão de visitas, é a porta de entrada para atrair investidores de peso e mostrar o real potencial da sua startup.

 

E para garantir que a sua apresentação seja congruente, é imprescindível que você destaque os indicadores financeiros corretos.

 

Mas quais são eles? O que os investidores avaliam em cada um? E como calcular?

 

Vamos desvendar isso agora!

 

1. Margem Bruta e Margem Líquida

 

Estas métricas revelam a saúde financeira da sua empresa. A margem bruta indica quanto você lucra em cada venda, excluindo os custos variáveis. Já a margem líquida leva em consideração todos os custos, mostrando o lucro real da sua empresa.

 

Como calcular:

 

– Margem Bruta: (Receita – Custos Variáveis) / Receita

 

– Margem Líquida: (Lucro Líquido / Receita Total) x 100

 

Os investidores observam essas margens para entender a viabilidade financeira e a eficiência operacional do seu negócio.

 

2. Lifetime Value (LTV)

 

O LTV indica o valor financeiro que um cliente traz para sua empresa durante todo o período em que ele faz negócios com você.

Como calcular:

 

– LTV = (ticket médio por compra x frequência de compra x tempo de retenção do cliente)

 

Investidores avaliam o LTV para ter uma noção do valor real que cada cliente pode trazer para o seu negócio.

 

3. Customer Acquisition Cost (CAC)

 

O CAC é o custo para adquirir um novo cliente. Um CAC baixo e um LTV alto são sinais de um negócio saudável.

 

Como calcular:

 

– CAC = (Total de custos com marketing e vendas) / (Número de novos clientes adquiridos)

 

Investidores analisam o CAC em relação ao LTV para avaliar a sustentabilidade do seu modelo de negócio.

 

4. Burn Rate

 

Indica a velocidade com que a sua empresa está gastando dinheiro. Um burn rate controlado sinaliza que a empresa tem uma gestão financeira sólida.

Como calcular:

 

– Burn Rate = (Total de despesas – Total de receitas) / período

 

Os investidores querem ver um burn rate moderado, que indique crescimento sustentável, sem gastar capital de forma imprudente.

 

5. Taxa de Crescimento Mensal

 

Essa taxa demonstra o crescimento da sua empresa mês a mês.

 

Como calcular:

 

– Taxa de Crescimento Mensal: [(Receita do Mês Atual – Receita do Mês Anterior) / Receita do Mês Anterior] x 100

 

Neste caso, os investidores buscam empresas com uma taxa de crescimento saudável, indicando um negócio em expansão.

 

Dominar e apresentar esses indicadores financeiros de forma clara e precisa no seu pitch deck não apenas fortalecerá a sua apresentação, mas servirá como uma bússola, guiando você na hora que os investidores ‘apertarem’ para ver os números da sua startup.

 

Lembre-se, os números contam a história do seu negócio, certifique-se de que eles estejam contando a história certa! A matemática por trás do seu negócio é uma narrativa poderosa, não deixe de usá-la ao seu favor.

 

Até a próxima!

 

>> Artigo publicado por Ubiràttam Alessio, confira aqui.

 

 

Compartilhar:

WhatsApp
LinkedIn
Twitter
Facebook

Mais artigos

SPRINT 034 – NETWORKING E INOVAÇÃO: IMPRESSÕES DO WEB SUMMIT RIO

Foram 3 dias de muitos encontros. Entre eles, @Gabriel Pereira, líder do maior canal do mercado financeiro, o @Let’s Media. Se você acompanha meu conteúdo, também precisa acompanhar o conteúdo produzido por esse ex-produtor de sistemas, um verdadeiro influencer do mercado financeiro.

RESOLUÇÃO DO BANCO CENTRAL: COMO PROMOVER E MONITORAR A SAÚDE FINANCEIRA UTILIZANDO A CIÊNCIA COMPORTAMENTAL E ELEMENTOS DE JOGOS

Em julho deste ano entra em vigor a resolução do Banco Central que determina que as instituições financeiras devem promover ações de educação financeira para os clientes.
Segundo o Banco Central, deve ser incentivado o planejamento e o orçamento pessoal e familiar, uma reserva de emergência sólida e o pagamento de contas em dia, evitando a
inadimplência.

Idioma »