BOSSA SUMMIT IMPULSIONANDO INOVAÇÃO E CONEXÕES ESTRATÉGICAS PARA VCs, FINTECHS E INVESTIDORES

Que o Bossa Summit é o maior evento de investimento em startups organizado pela Bossa Nova Investimentos, reunindo empreendedores, investidores, executivos e líderes de diferentes setores para discutir inovação, tecnologia e oportunidades de investimento, isso não é novidade. Mas hoje quero falar sobre as importantes conexões que o evento proporciona para venture capitals, fintechs e investidores garantindo interação e compartilhamento de conhecimento entre todos os participantes.

 

O Bossa Summit promove um ambiente de aprendizado e troca de experiências mútuas, com a presença de líderes influentes e especialistas, reunindo diversos players do mercado e promovendo inovação e desenvolvimento para o setor financeiro, impulsionando o ecossistema empreendedor como um todo.

 

 

Mas o que ganham as Venture Capitals, as Fintechs e Investidores com o Bossa Summit?

 

Bom, posso dizer, com propriedade, que todos nós ganhamos e muito com eventos como o Bossa Summit. Além das conexões e networking, é uma oportunidade ímpar para conhecer de perto cases novos, inovações e tecnologias disponíveis no mercado e muito mais. Para falar um pouco mais sobre o assunto, fui convidada por Gilberto Albuquerque para um bate papo com Fintechs e VCs que estiveram presentes no Bossa Summit 2023, e contou também com a participação de Fabio Ieger da Icertus e Ricardo Hiraki da Plano Fintech de Educação Financeira e hoje trago aqui uma síntese do assunto.

 

 

O que buscam os investidores- anjo no Bossa Summit

 

O evento conta com a presença de investidores de diversos tipos, como investidores-anjo, fundos de venture capital, empreendedores, representantes de aceleradoras e corporações e claro, as startups. Esses investidores estão interessados em conhecer startups promissoras, ouvir propostas de empreendedores e avaliar oportunidades de investimento. Eles buscam oportunidades de investimento e podem oferecer capital, expertise e networking para as startups selecionadas. É importante ressaltar que a participação no evento não garante um investimento, mas oferece uma oportunidade de conexão e exposição para as startups.

 

Os investidores presentes no Bossa Summit geralmente buscam empresas inovadoras com potencial de crescimento e retorno financeiro e podem estar interessados em investir em diferentes possibilidades de desenvolvimento das startups, desde a fase inicial até o estágio de crescimento e expansão.

 

Durante o evento, as startups têm a oportunidade de se apresentar para os investidores em sessões de Fitch, onde podem destacar seus produtos, modelo de negócio, equipe e projeção de crescimento, ou ainda ouvir um Pitch reverso com investidores falando suas teses. Além disso, também ocorrem painéis de discussão, palestras e workshops sobre temas relevantes para o ecossistema empreendedor.

 

 

Para as VCs uma oportunidade

 

Para as Venture Capitals é uma oportunidade valiosa para se conectarem com empreendedores promissores e startups inovadoras, além da chance preciosa de conhecerem empreendedores e líderes de projetos inovadores, o que pode levar a investimentos estratégicos e parcerias. As VCs buscam constantemente por novos empreendimentos que possam gerar retornos significativos sobre o investimento e durante o evento têm a chance de conhecer startups em estágios iniciais, analisar seus modelos de negócios, avaliar seu potencial de crescimento e, potencialmente, fazer investimentos. É o momento ideal para quem quer apresentar seu negócio e conseguir smart money.

 

Isso sem contar os diversos painéis e palestras com especialistas, permitindo que as venture capitals se mantenham atualizadas sobre as últimas tendências e oportunidades de investimento no mercado financeiro, e claro, um ambiente propício para networking e conexão com outros investidores e líderes do mercado.

 

 

O palco do Bossa Summit é das Fintechs

 

Já as fintechs, empresas que combinam tecnologia e inovação para fornecer soluções financeiras mais eficientes, ágeis e acessíveis, têm a oportunidade única para se destacar no ecossistema financeiro. A elas é dado o palco, literalmente, para apresentarem suas soluções para um público diversificado de investidores, especialistas do setor financeiro e potenciais parceiros comerciais, podendo também participar de painéis de discussão, palestras e workshops relacionados a tendências e desafios do mercado financeiro, bem como obter insights valiosos sobre estratégias de crescimento, regulamentação e inovação. Isso ajuda as fintechs a aprimorarem seus modelos de negócios, identificarem áreas de melhoria e buscarem soluções inovadoras, além é claro, do conhecimento valioso que é adquirido, fortalecendo sua presença no setor.

 

No caso das fintechs, a participação no Bossa Summit é extremamente benéfica e pode ser transformadora, pois o evento oferece exposição a uma ampla rede de venture capitals e investidores, o que pode levar a financiamento e recursos adicionais para impulsionar o crescimento das fintechs. Além disso é um ambiente propício para estabelecer conexões e parcerias estratégicas com outras empresas do setor, possibilitando o compartilhamento de conhecimentos e a colaboração em projetos conjuntos.

 

Sem dúvida, o Bossa Summit desempenha um papel crucial na aproximação com investidores, venture capitals e fintechs. Investidores e VCs têm a oportunidade de descobrir e investir em fintechs promissoras, impulsionando seu crescimento, enquanto as fintechs têm acesso a capital, expertise e parcerias estratégicas por meio dos investidores e das VCs. Essa sinergia entre ambos os grupos impulsiona cada vez mais a inovação, fomenta o desenvolvimento do ecossistema empreendedor e financeiro, garantindo importantes conexões e networking para todos.

 

Se você perdeu nosso bate papo, assista ele na íntegra aqui.

Compartilhar:

WhatsApp
LinkedIn
Twitter
Facebook

Mais artigos

OPEN FINANCE – O PODER DA INCLUSÃO A UM CLICK

O desenvolvimento do nosso ecossistema financeiro vem sendo muito elogiado no mundo inteiro. Para se ter uma ideia da importância dessa agenda, o PIX tem mais de 141 milhões de pessoas com suas chaves e 12,7 milhões de empresas que usam o sistema de pagamento diariamente. O volume transacionado foi de mais de R$ 3,8 bilhões, tornando-o principal meio de pagamento utilizado pelos clientes.

ESTAMOS A CAMINHO DA ERA DA CRIPTOECONOMIA?

Que a tecnologia impactou o mercado financeiro, não é novidade. Desde 1990, com o surgimento e rápido crescimento da internet, o mercado financeiro passou por grandes mudanças, desde o surgimento de novos produtos, até novas formas de se relacionar com o cliente e novos modelos de negócios.

PRIVACY BY DESIGN NAS STARTUPS

O conceito de “privacidade desde a concepção” tornou-se mais proeminente nos últimos anos, à medida que o Regulamento Geral de Proteção de Dados (RGPD) aumentou as preocupações das empresas sobre questões de privacidade nos seus processos, especialmente em relação à oferta de produtos e serviços ao mercado. A metodologia visa incorporar a privacidade em práticas, tecnologias e sistemas, e ainda serve como diretriz para a criação de novos produtos e serviços.

Idioma »