AUTOCONHECIMENTO E PROTAGONISMO, CHAVES IMPORTANTES PARA O SUCESSO PROFISSIONAL

“Somos o que repetidamente fazemos.
A excelência portanto, não é um efeito, mas um hábito.”
Aristóteles

 

O momento atual caracterizado por mudanças exponenciais, iniciadas pela aceleração do avanço tecnológico que facilitou e agilizou o acesso à informação por vários meios de comunicação, possibilitando novas fontes de conhecimento e nos obrigando a desenvolver habilidades comportamentais, principalmente a capacidade de selecionar rapidamente quais informações precisamos absorver em nossa jornada, para obter sucesso em nossas realizações. Mudanças estas aceleradas muito mais pela pandemia ocasionada pelo Covid19.

 

Com esta aceleração das mudanças, vivenciamos situações jamais imaginadas, que provocam reflexões diárias sobre “o que estava e está acontecendo no mundo”, “o que está acontecendo com as pessoas ao nosso redor “ e “ o que está acontecendo conosco”, neste tripé “mundo, pessoas ao nosso redor e nós “, precisamos ter a clareza que infelizmente não temos gestão sobre como o mundo se comporta com relação ao que acontece, muito menos em como as pessoas que estão ao nosso redor se comportam frente aos acontecimentos no mundo e os impactos nelas, mas nós temos condições de refletir e tomar decisões sobre o que está acontecendo com nós, sobre nossas ações.

 

Para esta tomada de decisão, conhecer a si mesmo, ou seja, o autoconhecimento é fundamental, quanto mais conhecemos a nós mesmos, nosso jeito de ser, nossas virtudes, pontos fortes, como nos relacionamos e reagimos aos estímulos e fatos do ambiente, mais temos confiança e autonomia para definir como enfrentar as situações que surgem em nossas vidas e tomar decisões mais assertivas.

 

O processo de reflexão e busca contínua para entendermos a nós mesmos, conhecer nossos pontos fortes e utilizá-los a nosso favor é um dos caminhos para o sucesso profissional em sua carreira, nos permite ter consciência de nós e assumir o protagonismo por nossas escolhas, utilizando nossa melhor versão para a tomada de decisões e aprimoramento de nossas realizações.

 

A possibilidade de refletir sobre quem somos, o que gostamos de fazer, o que fazemos bem e o porquê fazemos o que fazemos, são ações promovidas pelo processo de mentoria ou de aconselhamento de carreira, que promove e incentiva conhecer e utilizar os aprendizados obtidos em nossas experiências de vida, incluindo as experiências profissionais nas quais dedicamos a maior parte do nosso tempo, para conhecer as nossas potencialidades, nossas competências profissionais que se destacam como pontos fortes e diferenciais, bem como nossas preferências pessoais.

 

É importante investigarmos e refletirmos sobre quem somos, o que temos a oferecer e o que precisamos desenvolver para dar o próximo passo em nossa jornada profissional, o que exige um interesse genuíno em si mesmo, em estar disposto a mudar a forma de fazer, adequar as necessidades do que queremos, com foco em se autodesenvolver e fazer acontecer.

 

Sabemos que o momento atual repleto de incertezas, incomoda, assusta, gera ansiedade e muita insegurança, principalmente quando pensamos em nossa atuação profissional, como fonte de renda para suportar financeiramente outras áreas de nossas vidas.

 

Preocupar-se com nossa jornada profissional, ou seja com nossa carreira é super importante e inevitável, tendemos a buscar situações mais familiares, que nos deixam mais confortáveis com o que podemos oferecer e o que exigem de nós. O momento atual provoca grandes reflexões, um olhar mais focado nos interesses e cuidados pessoais, o que permite e viabiliza a um olhar diferente para a mudança e desenvolvimento de carreira, afinal mudanças trazem incertezas, mas também oportunidades para fazermos algo diferente e mais alinhado com nosso “jeito de ser” com o que valorizamos e reconhecemos ser nosso melhor, ou seja nosso verdadeiro “talento humano”.

 

Refletir sobre carreira, envolve pensar sobre o que fazer com o momento profissional, pode-se escolher ficar onde está e aprimorar algumas competências, ou seguir para outro lugar, como saber e fazer a escolha certa? O que será que é preciso fazer para estar feliz com nossa atuação profissional e obter sucesso?

 

São perguntas muito comuns ao refletir sobre carreira em momentos de mudanças e instabilidade no mercado de trabalho, os quais requerem muita reflexão e cautela para fazer escolhas coerentes com o nosso propósito, com nosso “jeito de ser”, ou seja, “poder atuar com nossa melhor versão humana”, colocando nossos talentos em ação em nossas realizações.

 

A mentoria e o aconselhamento de carreira apoiam diretamente a tomada de decisões de forma coerente, transparente e realista, atuando diretamente no direcionamento e construção de uma carreira sólida e alinhada com nossos interesses, nos orienta e dá suporte para decisões mais assertivas e aderentes ao nosso jeito de ser. São processos que possibilitam também muito aprendizado com nossa vivência e experiência profissional e de vida, ás quais nos inspiram e promovem a confiança de que é possível conquistar o que queremos, nos impede de se acomodar, voltar ou criar uma “zona de conforto” e impulsionam para a realização sustentável.

 

Infelizmente não conseguimos escapar das mudanças e incertezas geradas por elas, mas podemos enfrentar as incertezas fortalecidos e confiantes em nosso potencial, nosso talento e em nossa melhor versão. A mentoria ou aconselhamento de carreira apoiam no processo de autoconhecimento, na reflexão e na elaboração de um plano de ação de desenvolvimento bem definido, aderente aos nossos interesses, sendo um plano flexível possibilitando acertos necessários durante a jornada.

 

Conheça e seja sua melhor versão, pessoal e profissional, para fazer escolhas mais assertivas e aderentes aos seus interesses.

 

 

Compartilhar:

WhatsApp
LinkedIn
Twitter
Facebook

Mais artigos

SPRINT 034 – NETWORKING E INOVAÇÃO: IMPRESSÕES DO WEB SUMMIT RIO

Foram 3 dias de muitos encontros. Entre eles, @Gabriel Pereira, líder do maior canal do mercado financeiro, o @Let’s Media. Se você acompanha meu conteúdo, também precisa acompanhar o conteúdo produzido por esse ex-produtor de sistemas, um verdadeiro influencer do mercado financeiro.

RESOLUÇÃO DO BANCO CENTRAL: COMO PROMOVER E MONITORAR A SAÚDE FINANCEIRA UTILIZANDO A CIÊNCIA COMPORTAMENTAL E ELEMENTOS DE JOGOS

Em julho deste ano entra em vigor a resolução do Banco Central que determina que as instituições financeiras devem promover ações de educação financeira para os clientes.
Segundo o Banco Central, deve ser incentivado o planejamento e o orçamento pessoal e familiar, uma reserva de emergência sólida e o pagamento de contas em dia, evitando a
inadimplência.

Idioma »